Fale conosco pelo WhatsApp Fale conosco pelo WhatsApp

O que é Medicina Funcional?

Alimentos saudáveis em cima de uma mesa de madeira clara
05 jul, 2021

A medicina funcional ajuda a restabelecer o bem-estar e colabora para a melhoria da qualidade de vida dos pacientes

A medicina funcional surgiu diante da necessidade de criar alguns protocolos padronizados para suprir as necessidades individuais apresentadas pelos pacientes. Os protocolos desta especialidade são personalizados de acordo com as necessidades de cada um, baseados na ciência, mas com foco no indivíduo.

A abordagem da medicina funcional considera que a maioria das doenças crônicas complexas são resultantes de disfunções em um ou mais sistemas do organismo. Isso pode estar relacionado à interação do paciente com o meio ambiente, como fatores emocionais, estilo de vida e histórico médico familiar.

Como é aplicada a medicina funcional?

Para a medicina funcional, cada pessoa é única e seu organismo responde de forma pessoal e específica ao ambiente externo — tais como fatores ambientais, estilo de vida e alimentação — e ao interno, como crenças, emoções, genética e fisiologia. Portanto, o esforço para encontrar equilíbrio e saúde para todos deve contemplar todos esses aspectos.

Diante disso, um ponto interessante é o protagonismo do paciente, pois, nessa abordagem o tratamento é debatido entre ele, o médico funcional e a equipe de especialistas. Desse modo, as decisões são tomadas sempre em conjunto — e não simplesmente impostas. A vantagem dessa abordagem é que as recomendações são levadas a sério, tornando o tratamento mais eficaz.

Como são feitos os diagnósticos na medicina funcional?

O paciente passa por uma análise completa, feita pelo médico funcional. Este estudo verifica não apenas os sintomas isolados da doença já instalada, mas também as raízes da doença dentro do indivíduo. Assim, suas causas são compreendidas de maneira mais aprofundada.

O tratamento sempre é indicado após essa análise, em que há também a verificação de fatores internos e externos que poderão determinar qual melhor caminho a ser seguido por cada paciente.

Quais doenças podem ser tratadas pela medicina funcional?

A medicina funcional é uma abordagem muito eficaz para o controle de doenças crônicas, psiquiátricas, autoimunes e neurodegenerativas. Além disso, pode ser aplicada em programas de emagrecimento, controle de ansiedade e redução do estresse.

Também possui um papel muito importante em tratamentos contra cânceres. Pois, sabe-se da importância de cuidar da mente, corpo e espírito para esse momento tão delicado. A abrangência da medicina funcional é muito grande, pois atua quase sempre com outras especialidades.

Quais são os tratamentos da Medicina Funcional?

O foco da medicina funcional é o paciente, e não a doença. Por conta disso, os tratamentos são sempre individualizados de acordo com as necessidades e particularidades do paciente.

Esse comportamento faz com que o paciente complemente o trabalho da equipe médica, tornando-o um promotor ativo de sua saúde e qualidade de vida. Também há a criação de uma parceria entre médico e paciente no processo de cura.

Quais são os benefícios da Medicina Funcional?

Ao promover o tratamento de maneira individualizada e estimular um estilo de vida saudável, a Medicina Funcional pode trazer muitos benefícios para a vida dos pacientes. Os principais são:

  • Maior efetividade dos tratamentos, que são sempre personalizados;
  • Maior qualidade de vida;
  • Prevenção de doenças;
  • Longevidade plena, saudável e mais feliz;

Está em busca de um médico funcional para começar sua mudança de vida? Com um atendimento diferenciado e seguindo todos os protocolos adequados de tratamentos, a Clínica RRufato pode te ajudar. Entre em contato e agende uma consulta.

Fontes:

Revista Medicina Integrativa.